Marca Maxmeio

Márcia defende ação do Governo do RN contra aumento da violência nas escolas

Os alarmantes índices de violência contra professores e no âmbito escolar pautaram o pronunciamento da deputada Márcia Maia (PSDB) durante sessão plenária na Assembleia Legislativa. Nesta terça-feira (31), a parlamentar lamentou os números apontados pelo 11º Anuário Brasileiro da Segurança Pública e cobrou medidas do Governo do Estado.

“A publicação mostra que 537 profissionais da educação sofreram ameaças de seus próprios alunos nas escolas. 308 professores foram vítimas de furto e 92 sofreram roubos mediante ameaças. Esses profissionais clamam por melhores condições de segurança pública dentro e fora das escolas, com policiamento e iluminação adequadas no entorno das unidades escolares”, alertou Márcia.

A parlamentar defendeu a efetivação de políticas públicas sociais de prevenção à violência e cobrou providências do Executivo Estadual para a implementação de uma “cultura de paz” nas escolas. 

“O Governo precisa traçar uma linha de planejamento para que possamos construir uma política de cultura de paz dentro da rede pública de ensino, e que haja articulação com as demais políticas sociais”, defendeu a deputada.

Violência letal

A deputada também comentou o índice de homicídios no Estado, que aponta para um média de sete assassinatos por dia, e disse que neste ritmo os números já caminham para os piores já registrados na história do RN. De acordo com Márcia, a insegurança tem impactado negativamente em outros setores. 

“Na Educação, vê-se a violência dentro e fora da escola. Na Saúde há registros de violência nos hospitais. Na Economia, o número de assaltos e roubos aos empreendimentos comerciais levam ao seu fechamento. A insegurança impacta na vida de toda a sociedade”, conclui Márcia.

/MarciaMaiaRN
/Marciamaia_#