Marca Maxmeio

Márcia Maia cobra ao Governo do Estado reestruturação do Hospital Regional de João Câmara

O Hospital Regional de João Câmara passa por uma grave crise que tem afetado diretamente os serviços prestados à população que utiliza a unidade. A deputada estadual Márcia Maia, que ao longo dos últimos anos, tem acompanhado de perto a situação dos hospitais regionais e cobrado medidas urgentes para garantir o funcionamento adequado desses espaços, visitou a unidade na região do Mato Grande e voltou a cobrar providências do Governo do Estado.

"Não podemos admitir que uma estrutura importante como essa para a população de João Câmara e da região do Mato Grande passe por essa grave crise e prejudique o atendimento essencial. O estado não quer cumprir a sua responsabilidade e ainda quer repassá-la ao município, o mais sacrificado dentre todos na repartição dos recursos que não tem a menor condição de manter a estrutura", afirma a parlamentar.

A proposta do Governo, segundo a parlamentar, é de realizar uma pactuação em que seria repassado um recurso de valor bem abaixo do necessário. Em contrapartida, o Governo retiraria todos os funcionários com a responsabilidade passando ao Município. Atualmente, o hospital sofre com a falta de obstetras - transferidos para outra cidade -, de cardiologistas, clínico geral e pediatras. 

"Como o hospital vai funcionar sem profissionais? Pior, há uma reforma em andamento sendo realizada pelo próprio estado, enquanto ele tenta sucatear os serviços com a falta de profissionais para entregar à Prefeitura. É um absurdo", denunciou. 

A deputada rememorou o funcionamento do Hospital Regional da cidade durante o Governo Wilma. Ela conta que, à época, chegava a 60 cirurgias por mês, mas se faz mais uma sequer. O centro cirúrgico está desativado. "Vamos buscar o Governo para pedir explicações e tentar intermediar uma solução. Não vamos admitir que vidas sejam colocadas em risco", concluiu Márcia.

/MarciaMaiaRN
/Marciamaia_#